A Pioneira da Aviação – Resenha do Filme Amélia (2009)

Podemos concordar que Amélia que era mulher de verdade. Mas discordando veementemente de que ela não tinha a menor vaidade.
Amélia Eahart foi a primeira mulher a cruzar o atlântico pilotando um avião e se tornou uma celebridade numa época em que escrever biografia não era coisa de youtuber. Foi pioneira também na representatividade feminina na aviação, em plena incrustação do pensamento de que as profissões tidas como “relevantes” eram privilégios masculinos.

Baseado nos livros The Sound of Wings de Mary S Lovell e East to the Dawn de Susan Butler, o filme estrelado por Hilary Swank retrata uma mulher tímida e carismática, no auge da sua maturidade, conflitando uma vida de tradicional esposa e mulher do lar com seu ímpeto aventureiro de mulher do ar. Seu par romântico, representado pelo sempre esplendoroso Richard Gere, foi também seu empresário e propulsor das suas desbravantes viagens pelo mundo a bordo de um Lockheed Vega 5b.

Imagem retirada do Google Imagens

O filme é leve, de ritmo constante e tem uma fotografia incrível. Quem gosta de avião alucina nas imagens daquela pequena mulher com ares de pequeno príncipe a rasgar os céus no seu pássaro encantador. O roteiro é basicamente motivacional e traz uma mensagem de que os sonhos devem ser perseguidos e de que não devemos nos deixar desmotivar por ninguém, pois “todos nós temos oceanos a cruzar desde que tenhamos coragem para fazê-lo” (Trecho retirado do filme).

Amélia foi garota propaganda de marcas de cigarros, bagagens e lojas, além de ter criado a sua própria grife, provando que você não precisa estar deselegante mesmo sujinha de graxa de motor. Inspirou mulheres como a primeira dama Eleanor Roosevelt e teve alguns crushes além do seu marido ao longo da jornada. Obviamente, teve sua competência questionada diversas vezes, especialmente por suas ousadas expedições que lhe renderam mais de 10 recordes e realizações. As publicações sobre sua vida, diários, entrevistas e recortes da época são muitas e eu já quero ler todas.

Se você tem uma quedinha por aviação, feminismo, moda e sonhos que não conhecem fronteiras, certeza que vai adorar o filme. É excelente para aquela tarde de sobreaviso que você precisa ficar em casa esperando a escala te chamar para uma nova aventura nos ares. Não esqueça a pipoca e de deixar seus comentários depois que assistir ao filme aqui no blog. Leia também a resenha do filme “O Voo” com Denzel Washington.
E não importa o que te digam, seja sempre bela, revolucionária e do ar.

  • 5

    Avaliação geral

  • Avaliação dos leitores:1 Votos

Compartilhar

Deixe uma resposta